Notícia do jornal "O Estado de São Paulo" de 19 de agosto de 2005

http://www.estadao.com.br/internacional/noticias/2005/ago/19/8.htm

Colonos evacuados pretendem acampar diante do Muro das Lamentações

Jerusalém - Os colonos judeus evacuados da colônia de Netzer Hazani, sul de Gaza, chegaram na noite de quinta para sexta-feira a Jerusalém, com a intenção de acampar em frente ao Muro das Lamentações. "Eles chegaram a Jerusalém em vários ônibus e pretendem se instalar um acampamento diante do Kotel (Muro das Lamentações), indicou à agência AFP Shmuel Ben Ruby, porta-voz da polícia de Jerusalém.

Sagrado e venerado - O muro ocidental, conhecido como Muro das Lamentações, é o lugar mais sagrado e venerado pelo povo judeu por tratar-se da única relíquia do último templo. Trata-se de uma pequena parte da muralha que Herodes construiu no ano 20 a.C., em redor do segundo Grande Templo.

No ano 70, Tito destruiu a cidade deixando de pé esta parte da muralha com seus enormes blocos de pedra, a fim de mostrar, às gerações futuras, a grandeza dos soldados romanos que foram capazes de destruir o resto da edificação. Durante o período romano não era permitida aos judeus a entrada em Jerusalém.

Entretanto, no período bizantino, eles podiam entrar uma vez por ano, no aniversário da destruição, quando lamentavam a dispersão de seu povo e choravam sobre as ruínas do Templo. Daí o nome: Muro das Lamentações. Depois da Guerra dos Seis Dias o Muro das Lamentações converteu-se em um lugar de jubilo nacional e de culto religioso.

Comentário: (clique sobre os textos em destaque para mais informações)

A retirada de Gaza faz parte do plano de paz entre judeus e palestinos, culminando com a fundação do Estado Palestino, neste 2005. Só que tal atitude ainda agravará mais o caos na região da Palestina. O próprio líder judeu Ariel Sharon não consegue controlar a revolta provocada pelos colonos que se recusam em sair da região, após anos de ocupação. É, sem dúvida, um fato histórico.

Isso é apenas um breve resumo do que está acontecendo na Palestina. Percebam que o cenário de caos se agrava a cada dia. É justamente nesse cenário que surgirá o anticristo, propondo uma solução "milagrosa" para o conflito na região, fazendo um falso acordo de paz. Em Daniel 9:27, a Palavra afirma que será o anticristo quem assinará tal acordo de paz, iniciando o período de sete anos de Tribulação:

  • Daniel 9:27
    "Este rei fará um acordo com o povo, de sete anos; mas depois de decorrer metade desse tempo, denunciará o tratado e proibirá os judeus de fazerem qualquer sacrifício ou oferta; posteriormente, como cúmulo das suas terríveis acções, o inimigo profanará completamente o santuário de Deus. Mas quando chegar o tempo determinado nos planos de Deus, o julgamento do Senhor será derramado sobre esse assolador visão de Daniel de um homem."

Durante a ministração do seminário sobre o Final dos Tempos no final de 2004, ficamos sabendo que o próprio Yasser Arafat assinaria o tal acordo de paz, mas morreu antes disto, confirmando a profecia bíblica sobre Daniel 9:27.

Fiquemos atentos e firmes em Cristo, pois o cenário mundial já está formado para a aparição do anticristo no cenário político mundial. Significa que o Arrebatamento pode estar bem próximo de acontecer, pois segundo a Palavra de Deus, a Tribulação vem DEPOIS do Arrebatamento.

Estude a respeito dos sinais do final dos tempos clicando aqui.

A Paz do Senhor a Todos!

Notícias anteriores relacionadas ao mesmo tema:

13/05/2005 - Israel celebra Dia da Independência

17/01/2005 - Sharon manda intensificar ação contra palestinos

19/11/2004 - Sharon abre mão de condições para negociar paz com palestinos

11/11/2004 - Anunciada oficialmente a morte de Arafat

07/09/2004 - Israel recomeça a construção de muro de separação

11/08/2004 - Israel ataca cidade ao sul da Faixa de Gaza

29/07/2004 - Muro de Israel vai invadir a Cisjordânia, diz governo

23/03/2004 - Além de Arafat, chefe do Hezbollah também é alvo de Israel

05/03/2004 - Maioria israelense não confia em Sharon. Pede sua renúncia

11/02/2004 - Quatro palestinos mortos em conflito em Gaza

09/02/2004 - Palestinos ameaçam proclamar seu Estado independente

25/11/2003 - Israel prevê "Plano de Paz" sem a criação do Estado Palestino

Últimas Notícias