Notícia do jornal "Folha de São Paulo" de 1 de maio de 2011

Tornados matam mais de 330 na pior tragédia em 86 anos nos EUA

ASSISTA AO VÍDEO DESTA NOTÍCIA NO CANAL DO TEMPODOFIM.COM NO YOUTUBE

"Estamos concentrados em busca e resgate. Vamos fazer tudo para encontrar os que estão presos e os que não encontramos ainda", disse Bentley à CNN.

"Todo mundo diz que (um tornado) parece um trem, e comecei a ouvir o trem", disse à Reuters Anthony Foote, morador de Tuscaloosa cuja casa foi gravemente danificada. "Corri e pulei dentro da banheira e a casa começou a sacudir. Depois os vidros começaram a se estilhaçar."

Segundo o serviço nacional de meteorologia, cerca de 300 tornados e tempestades atingiram o sul e o leste do país desde sexta-feira passada (22). Metade deles foram registrados no Alabama. Tornados são comuns no sul e no meio-oeste dos Estados Unidos, mas raramente são tão devastadores.

As autoridades americanas continuam contando neste sábado os mortos deixados pela série de tornados e tempestades que varreram o sudeste dos Estados Unidos. Com um balanço de 337 vítimas, os tornados de quarta-feira passada (27) se transformaram na segunda pior tragédia do tipo nos Estados Unidos, a mais grave desde 1925.

A força dos ventos, que derrubou casas, árvores e postes de energia, deixou as equipes de emergência da região completamente esgotadas. Os corpos recuperados estão sendo armazenados em caminhões refrigerados, já que não há mais espaço em necrotérios. As autoridades já sentem falta de itens básicos, como lanternas e em uma vila até mesmo os bombeiros perderam seu caminhão.

O balanço mais recente das vítimas soma 337 mortes em seis Estados, incluindo ao menos 246 em Alabama. O número perde apenas para as tempestades de 18 de março de 1925, quando 747 pessoas morreram no mau tempo que varreu Missouri, Illinois e Indiana. O segundo dia mais mortal de tempestades era em março de 1932, quando 332 pessoas morreram, todas no Alabama.

Desta vez, os tornados deixaram ainda milhares de feridos, 990 apenas em Tuscaloosa, no Estado de Alabama, onde cerca de um milhão de casas e empresas ainda estão sem energia elétrica.

A escala do desastre chocou até mesmo o presidente Barack Obama, que visitou a região na sexta-feira. "Eu nunca vi devastação como esta", disse, me meio aos destroços em Tuscaloosa, onde ao menos 45 morreram e bairros inteiros foram destruídos.

O prefeito de Tuscaloosa, Walt Maddox, chamou a devastação de uma crise humanitária para a cidade, de mais de 83 mil habitantes.

Maddox disse que 446 pessoas estão desaparecidas na cidade, mas ressaltou que muitas já devem ter sido encontradas por seus parentes, que não reportaram para a polícia.

DEVASTAÇÃO - O Alabama deve receber dinheiro do governo federal para os trabalhos de reconstrução após a devastação.

Neste momento, contudo, equipes de emergência e 2.000 soldados continuam focados em procurar sobreviventes em meio aos destroços. O governador do Alabama, Robert Bentley, já disse que o número de mortos deve aumentar à medida que as equipes avancem sobre as áreas mais afetadas.

"Jamais tivemos um evento climático desta dimensão em nossa história", disse a Autoridade do Vale do Tennessee, uma empresa estatal que fornece eletricidade a nove milhões de pessoas em sete Estados.

Bentley também declarou estado de emergência e disse estar destacando 2.000 guardas nacionais. Os governadores de Arkansas, Mississippi e Tennessee também declararam estado de emergência. Os tornados deixaram vítimas ainda na Géorgia, Oklahoma Missouri, Kentucky e Virgínia.

"Estamos concentrados em busca e resgate. Vamos fazer tudo para encontrar os que estão presos e os que não encontramos ainda", disse Bentley à CNN.

"Todo mundo diz que (um tornado) parece um trem, e comecei a ouvir o trem", disse à Reuters Anthony Foote, morador de Tuscaloosa cuja casa foi gravemente danificada. "Corri e pulei dentro da banheira e a casa começou a sacudir. Depois os vidros começaram a se estilhaçar."

Segundo o serviço nacional de meteorologia, cerca de 300 tornados e tempestades atingiram o sul e o leste do país desde sexta-feira passada (22). Metade deles foram registrados no Alabama. Tornados são comuns no sul e no meio-oeste dos Estados Unidos, mas raramente são tão devastadores.

Comentário: (clique sobre os textos em destaque para mais informações)

Clique aqui e saiba mais sobre o relacionamento entre tornados, furacões, alterações no clima da terra e o fim dos tempos.

Registros anuais de furacões e tufões

Clique aqui para estudar sobre os sinais do tempo do fim

A Paz do Senhor a Todos!

Notícias anteriores relacionadas ao mesmo tema:

15/01/2011 - Chuva na Região Serrana do Rio de Janeiro é maior tragédia climática da história do país

23/10/2010 - Supertufão Megi leva chuvas e ventos fortes para costa chinesa

23/07/2010 - "Bonnie" vira tempestade tropical e segue para sul da Flórida

30/06/2010 - Alex vira primeiro furacão de 2010 no Atlântico e avança rumo ao México

31/05/2010 - Tempestade mata cem e deixa milhares de desabrigados na América Central

01/11/2009 - Tufão mata 20 nas Filipinas e ruma para o Vietnã

27/08/2009 - Tempestade Danny ganha força e pode atingir os EUA como furacão

19/05/2009 - Temperatura da Terra subirá antes do previsto, diz MIT

18/03/2009 - Degelo da Antártida se aproxima de nível crítico, diz estudo

01/12/2008 - Meteorologia coloca Grande Florianópolis, Vale do Itajaí e litoral norte de SC em alerta

01/09/2008 - Gustav se aproxima da Louisiana e ameaça Nova Orleans

05/05/2008 - Mianmar estima que 10 mil morreram por ciclone Nargis

18/02/2008 - Tornado danifica casas em Tubarão, Santa Catarina

06/02/2008 - Tornados matam ao menos 26 no sul dos EUA

11/01/2008 - Mundo esquenta, apesar de La Niña e de neve em Bagdá

06/12/2007 - Metade da Amazônia pode cair até 2030

18/11/2007 - Ciclone Sidr arrasa o maior manguezal do mundo em Bangladesh

09/11/2007 - Elevação no nível do mar põe Grã-Bretanha e Holanda em alerta

19/09/2007 - China se prepara para um dos maiores tufões dos últimos anos

17/08/2007 - Furacão Dean leva fortes ventos e causa destruição no Caribe

14/08/2007 - Furacão e terremoto deixam Havaí em estado de emergência

30/07/2007 - Aquecimento global causa proliferação de furacões

11/06/2007 - Inundações deixam ao menos 66 mortos na China

17/05/2007 - Oceano pode estar perdendo capacidade de absorver CO2

29/01/2007 - Indonésia pode perder 2 mil ilhas para o efeito estufa

17/08/2006 - Tufão Saomai deixa 325 mortos na costa chinesa

15/12/2005 - Desastres naturais dos últimos 12 meses mataram 350 mil

19/10/2005 - Furacão Wilma atinge categoria 5 com ventos até 282 km/h

07/10/2005 - Furacão Stan faz 225 mortos na América Central e no México

20/09/2005 - Rita pode se transformar em furacão perto da Flórida e Cuba

06/09/2005 - Tufão Nabi chega ao Japão com ventos de 144 km/h

01/09/2005 - Tufão Talim deixa dois mortos e 39 feridos em Taiwan

29/08/2005 - Furacão Katrina já tocou o solo na Costa da Louisiana

27/07/2005 - Inundações paralisam centro econômico da Índia

24/06/2005 - Aquecimento global pode trazer El Niño permanente

06/01/2005 - Tornado atinge fazenda em Campinas

13/12/2004 - Países insulares pedem ajuda para deter elevação do mar

13/12/2004 - País cumpre meta e reduz agressão à camada de ozônio

20/10/2004 - Tufão provoca mortes no Japão

29/09/2004 - Tempestade tropical deixa 5 mortos no Japão

23/09/2004 - Tempestades devastam o Haiti; mais de 1000 mortos

17/09/2004 - Número de mortes causadas pelo furacão Ivan chega a 88

09/09/2004 - Furacão Ivan devasta ilha de Granada; 9 mortos

02/09/2004 - Flórida remove centenas de milhares do caminho de furacão

30/08/2004 - Furacão mata três e deixa 30 feridos no Japão

25/08/2004 - Tufão Aere mata 3 pessoas no Japão e Taiwan

13/08/2004 - Tufão deixa 115 mortos e mais de 1000 feridos na China

13/08/2004 - Furacão Charley chega a Cuba com ventos de 165km/h

27/07/2004 - Frio no Peru mata pelo menos 46 crianças

22/07/2004 - Inundações na China: 381 mortos e 100 mil desabrigados

06/07/2004 - Tempestade tropical mata 15 pessoas em Taiwan; calor mata na Espanha

21/06/2004 - Tufão mata 3, fere 7 e deixa 3 desaparecidos no Japão

15/06/2004 - Tempestade mata seis e deixa 200 desaparecidos em Bangladesh

Últimas Notícias